DESABAFO BRASILEIRO

 Ouviram dos quatro cantos desta terra
Deste povo heroico com grito engasgado
Em que a corrupção de longe já nos ferra
Nas ruas desta pátria choro rasgado.

Nas avenidas pude ver essa igualdade
Que cansamos de cantar no hino nacional
Manifestantes unidos pelos bairros destas cidades
Onde juntos caminharam o igual e o desigual.

Mostraremos ao mundo esse nosso braço forte
Conquistado já em outros carnavais
Desafiando o nosso peito a própria morte!

Ó Pátria amada
Já cansada
Pede por socorro
E por quem a salve e nos salve!

Brasil, Realidade intensa e povo unido,
De amor e esperança se renova
Vamos às ruas como um povo destemido
Mostrar que não somos apenas o país da copa!

Gigante pela própria natureza
Cansado de ver corrupção que se alastra
O povo acorda e levanta essa bandeira
Não governado pela mãe, mas por madrasta!

Terra saqueada
Entre tantas mil
És tu Brasil
Ó Pátria cansada.

O conhecimento é o fuzil
Sem destruir nada
Reconstruiremos o Brasil

Despertou quem dormia e tinha fome
Ao som do nosso choro ecoado pelo mundo
E mostra que em berço esplendido ninguém mais dorme
E que a vergonha desta nação é algo profundo!

Não há terra mais sofrida
Do que as filas hospitalares dos sofredores
Nossas cidades já não tem mais vida
Zumbis desfilam queixando-se de suas dores!

Ó Pátria amada,
Já cansada,
Salve-nos! Salve!

Brasil, acorde e cante o seu hino,
E grite abaixo à corrupção em céu estampado
Mostre ao mundo que já não é mais aquele menino
Mas um Gigante que ergue o seu brado!

Unidos mostremos essa arma forte
Que é a sabedoria engatilhada rumo à luta
Desperta agora quem te adora e não te deixa à própria sorte

Terra saqueada
Entre tantas mil
És tu Brasil
Ó Pátria cansada.

Dos filhos desta terra és mãe gentil,
Pátria despertada,
Brasil!


Por Osny Alves

1 comentário

Postagens mais visitadas