AMIGO DA POESIA

Muitas vezes gostam quando eu digo
Que com elas eu tenho intimidade
Pois das letras eu sou o melhor amigo
E escrevo sobre fantasia e realidade!
A minha forma física não é nada atlética
E o muito ensaiar me tornou assim
É por isso que eu amo a obra poética
Pois o que eu digo dela ela diz de mim!
Somos cúmplices de um crime que é escrever
E da maneira mais bela chegamos a compor
Falo sobre a magnitude e a essência do ser
E falo também da maravilhosa arte do amor!
E lá se vão vinte e nove anos de estrada
Escrevendo sobre tudo o que me vem
Tenho poesias a lápis e datilografada
E escritas em papel toalha também!
Eu fico feliz quando vejo que alguém lê,
E de maneira singela ela comenta...
E também fico triste quando ninguém vê
O tal conhecimento simplesmente lamenta!
Pois ler é mais divino que escrever
Mas um depende sempre do outro
Como a fragrância que completa o meu ser
E meu ser se encantou por ela no primeiro encontro...
E é por isso que escrevo sobre realidade e fantasia
E deixo a liberdade bem mais atrativa
No final eu sou apenas o amigo da poesia
Que no papel cada dia se encontra mais viva!

By Osny Alves
Postar um comentário

Postagens mais visitadas