Por Ti


Quando me olhas
Molha-me os olhos
Molha-me o sorriso
Que tenho por ti.
E me surpreende
A tua maneira
E me compreende
Queira ou não queira.
Sinto-me olhado
Vigiado velado
E fico prostrado
Sempre por ti!
Ah! Estes teus olhos
São duas pepitas
Benditas, bonitas
Iguais aos meus sonhos
Que tenho por ti.
É quando me olhas
Dentro dos olhos
E meu ser se acanha
Pois escancaraste meus sonhos
Os quais eu tenho por ti.
Teu olhar me aciona
E não sei como funciona
Mas me impressiona
Quando olho pra ti.
Atrapalho-me nas rimas
O debaixo é em cima
E quando me olhas me mima
Um mimo que só vem de ti.
Acolhe-me aos braços
Com dengos e abraços
E me conduz ao espaço
Criado por ti.
E como me encantas
Quando tu cantas
À tarde e as tantas...
Olhas por mim.
E quando eu saio
Pra ir embora
E já lá fora
Sofro um desmaio
De amores por ti.
Corre e me pega
De maneira tão cega
E aos beijos me leva
Ao amor que vem de ti.
Então eu perco o rumo
Mas não saio do prumo
Nos teus braços eu durmo
Sob o olhar
Que só vem de ti.

By Osny Alves
5 comentários

Postagens mais visitadas