A SETA


Ah!

Oh Flor

De minha vida...

De meus devaneios profanos,

Eu sou a rua e você é minha avenida

Você é a fonte de meus desejos mais insanos

Minha adrenalina

Meu hoje meu tudo

É Princesa menina

Ela é o meu mundo

Fortaleza divina

Um sonho profundo

É minha lamparina

Ilumina o submundo

Será sou sua sina?

Ou serei o escudo?

Diga flor aonde ir!

Irei em linha reta

Sou eu seu elixir

Como encontrar-te? Simples... Seguirei a esta seta...

By Osny
Postar um comentário

Postagens mais visitadas